INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

sábado, 27 de maio de 2017

Septuaginta - Ezequiel - Capítulo 34

1 E a palavra do Senhor veio a mim, dizendo:
2 "Filho do homem, profetiza contra os pastores de Israel, profetiza e dize aos pastores: Assim diz o Senhor Deus: Ó pastores de Israel! Alimentam-se os pastores a si mesmos? Não alimentam, os pastores, às ovelhas?
3 Eis que vos alimentais com o leite, revesti-vos com a lã e matais as que são gordas; mas vós não apascentais as minhas ovelhas.
4 A fraca não tendes fortalecido, da doente não tendes cuidado, a que está machucada não ligastes, a desviada não fizestes voltar e a que está perdida não fostes procurar; e, a forte, vós tendes sobrecarregado com trabalho.
5 As minhas ovelhas se espalharam, porque não havia pastores, tornando-se pasto à todas as feras do campo.
6 As minhas ovelhas foram espalhadas por todos os montes e por todo alto outeiro; sim, elas estavam espalhadas sobre a face da terra, e não havia ninguém para procurá-las nem para trazê-las de volta.
7 Portanto, ó pastores, ouvi a palavra do Senhor.
8 Vivo eu, diz o Senhor Deus, que uma vez que as minhas ovelhas foram entregues à rapina, e que as minhas ovelhas tornaram-se carne para todos os animais selváticos do campo, porquanto não havia pastores e os pastores não procuravam as minhas ovelhas, e porquanto os pastores se alimentavam mas não alimentavam as minhas ovelhas;
9 por esta razão, ó pastores,
10 assim diz o Senhor Deus: Eis que eu estou contra os pastores. Exigirei as minhas ovelhas de suas mãos, e irei removê-los para que nunca mais apascentem as minhas ovelhas; e os pastores já não irão alimentá-las. Eu livrarei as minhas ovelhas da sua boca, e elas deixarão de ser carne para eles.
11 Pois assim diz o Senhor Deus: Eis que eu buscarei as minhas ovelhas, e irei visitá-las.
12 Como o pastor busca o seu rebanho no dia em que há escuridão e nuvem, no meio das ovelhas que estão separadas, assim Eu buscarei as minhas ovelhas, e as farei voltar de todos os lugares para onde foram espalhadas no dia de nuvem e escuridão.
13 Irei trazê-las dos gentios, e as congregarei dos países, introduzindo-as na sua terra; apascentá-las-ei sobre os montes de Israel, e nos vales, e em cada lugar habitado da terra.
14 Eu irei alimentá-las em um bom pasto, em um alto monte de Israel; seus rebanhos deverão estar lá, e elas se deitarão, e repousarão ali, em prosperidade perfeita, e pastarão em um pasto abundante nas montanhas de Israel.
15 Eu mesmo apascentarei as minhas ovelhas, Eu as farei repousar; e saberão que Eu sou o Senhor; assim diz o Senhor Deus.
16 Eu irei buscar a que está perdida, recuperar a que se desviou, ligar a que está quebrada, fortalecer a que desfalece e guardar as que estão fortes; e alimentá-las-ei com a justiça.
17 E quanto a vós, ovelhas, assim diz o Senhor Deus: Eis que Eu irei distinguir entre ovelhas e ovelhas, entre carneiros e bodes.
18 Não é suficiente para vós que vos alimentastes em um bom pasto, que ainda pisoteais com os pés o restante de vosso pasto? e que bebestes da água tranquila, que ainda turvastes o restante com os vossos pés?
19 Então as minhas ovelhas alimentaram-se com o que tínheis pisado com os vossos pés; e beberam da água que tinha sido turvada por vossos pés.
20 Portanto, assim diz o Senhor Deus: Eis que Eu irei fazer separação entre as ovelhas fortes e as ovelhas fracas.
21 Vós empurrastes com vossos lados e ombros, e arremetestes com vossos chifres, e cruelmente tratastes todos as adoentadas.
22 Portanto, livrarei as minhas ovelhas, e elas não deverão servir mais de presa; e julgarei entre carneiros e carneiros.
23 Levantarei um pastor sobre elas, o qual irá cuidar delas, o meu servo Davi; e ele será o seu pastor.
24 Eu, o Senhor serei o seu Deus, e Davi será príncipe no meio delas; Eu, o Senhor, o disse.
25 Farei com Davi uma aliança de paz, e destruirei totalmente as feras da terra; elas habitarão no deserto, e dormirão nas florestas.
26 Estabelecê-las-ei ao redor da minha montanha; e dar-lhes-ei a chuva, a chuva de bênçãos.
27 As árvores que estão no campo darão o seu fruto, a terra dará a sua força, e elas habitarão na confiança de paz, em suas terras. E saberão que Eu sou o Senhor, quando Eu quebrar o seu jugo; e livrá-las-ei da mão dos que se serviam delas.
28 Nunca mais virão a servir de presa para as nações, e as feras da terra nunca mais as devorarão; habitarão em segurança, e não haverá quem as espante.
29 Eu levantarei para elas uma plantação de paz, e não mais morrerão de fome sobre a terra, e não mais carregarão o opróbrio das nações.
30 E saberão que Eu sou o Senhor seu Deus, e elas o meu povo. Ó casa de Israel, diz o Senhor Deus, 31 vós sois as minhas ovelhas, as ovelhas do meu rebanho, e Eu sou o Senhor, vosso Deus, diz o Senhor Deus."

Nenhum comentário: