INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Septuaginta - Ezequiel - Capítulo 17

1 E a palavra do Senhor veio a mim, dizendo:
2 "Filho do homem, relata um conto, profere uma alegoria à casa de Israel.
3 E dirás: Assim diz o Senhor. Uma grande águia, de enormes asas, espalhando-as bem longe, com muitas garras, a qual se propunha a entrar no Líbano, tomou os ramos escolhidos de um cedro;
4 arrancou as extremidades dos galhos mais macios e os trouxe para a terra de Canaã, colocando-os em uma cidade murada.
5 E tomou da semente da terra, plantando-a em um campo onde havia muita água; colocou-a num local bem visível.
6 Ela brotou, tornando-se uma videira fraca e pequena, de modo que os seus ramos apareceram sobre ela, e as suas raízes estavam debaixo dela; e assim ela tornou-se uma videira, e produziu brotos, e estendeu seus tentáculos.
7 E havia uma outra grande águia, de grandes asas e muitas garras; e eis que aquela videira se inclinou, voltando-se para ela, e as suas raízes foram em sua direção; e ela enviou os seus ramos para ela, para que pudesse regá-la, com o crescimento da sua plantação.
8 Vive ela em um campo fértil, com muita água, para produzir brotos e frutos, e para que possa tornar-se uma grande videira.
9 Portanto, dize: Assim diz o Senhor. Prosperará ela? Não irão as raízes de seu caule tenro e os seus frutos serem de todo arruinados? Sim, todos os seus renovos secarão sem que um braço poderoso, ou muitas pessoas, a firam em suas raízes.
10 Mas eis que ela prospera. Prosperará, verdadeiramente? Não irá murchar tão logo o vento leste vier a tocá-la? Secar-se-á, desde as suas raízes."
11 Depois disto, a palavra do Senhor veio a mim, dizendo:
12 "Filho do homem, diz agora à casa rebelde: Não sabeis o que significam essas coisas? Dize-lhes: Quando vier o rei de Babilônia contra Jerusalém, então ele tomará o seu rei e os seus príncipes, e irá levá-los para a sua casa, para a Babilônia.
13 Ele tomará a descendência real e fará um pacto com ele; prendê-lo-á com um juramento. E ele tomará os príncipes da terra,
14 para que o reino se torne um reino enfraquecido, o qual não possa, nunca mais, levantar-se para guardar a sua aliança e estabelecê-la.
15 E se ele vier a revoltar-se contra ele, enviando os seus mensageiros ao Egito para que lhe mandem cavalos e muita gente, deverá prosperar? Aquele que se porta como um adversário deverá ser preservado? Será guardado aquele que transgride a aliança?
16 Como eu vivo, diz o Senhor, em verdade, no lugar onde estiver o rei que o fez reinar, o qual desonrou meu juramento e quebrou a minha aliança, morrerá ali com ele, no meio de Babilônia.
17 Faraó fará guerra contra ele, e não com um poderoso exército ou grande multidão, levantando uma tranqueira e construindo baluartes, para exterminar as almas,
18 visto que ele profanou o juramento, de modo a quebrar o pacto, quando Eu travar a sua mão. Porquanto ele fez todas essas coisas, não escapará.
19 Portanto, dize: Assim diz o Senhor. Vivo Eu, que o meu juramento, o qual ele profanou, e a minha aliança, que transgrediu, Eu mesmo farei recair sobre a sua cabeça.
20 Espalharei uma rede sobre ele, e deverá ser preso em sua armadilha.
21 Em todas as suas batalhas eles cairão pela espada, e espalharei o seu remanescente a todos os ventos; e sabereis que Eu, o Senhor, o disse.
22 Pois assim diz o Senhor: Tomarei os ramos escolhidos do cedro, do seu topo; cortarei seus corações e os plantarei sobre um monte alto:
23 Pendurá-lo-ei em um monte alto de Israel; sim, Eu irei plantá-lo, e ele deverá produzir brotos, e dará fruto, e será um grande cedro. E todas as aves deverão descansar debaixo dele, todas as aves descansarão sob a sua sombra; seus ramos serão restaurados.
24 E todas as árvores do campo saberão que Eu sou o Senhor, que abate a árvore alta e exalta a árvore baixa; que faz murchar a árvore verde, e faz com que a árvore seca floresça. Eu, o Senhor, o tenho dito, e irei cumpri-lo.

Nenhum comentário: