INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Septuaginta - Jeremias - Capítulo 34

1 Palavra que veio a Jeremias da parte do Senhor (pois Nabucodonosor, rei da Babilônia, e todo o seu exército, com todas as terras de seu domínio, foram guerrear contra Jerusalém e contra todas as cidades de Judá), dizendo:
2 Assim o Senhor tem dito: Ide para Zedequias, rei de Judá, e dize-lhe: Assim diz o Senhor: Esta cidade, certamente, será entregue nas mãos do rei de Babilônia, e ele a tomará, e queimá-la-á com fogo;
3 e quanto a ti, não escaparás da sua mão, porém, certamente, serás aprisionado e entregue a ele; teus olhos verão os seus olhos, e entrarás em Babilônia.
4 Mas ouve a palavra do Senhor, ó Zedequias, rei de Judá! Assim diz o Senhor:
5 Morrerás em paz e, tal como choraram por teus pais que reinaram antes de ti, da mesma forma te prantearão, dizendo: Ah Senhor! e lamentar-te-ão, fazendo-te descer à sepultura, porquanto tenho falado esta palavra, diz o Senhor.
6 Então, Jeremias falou ao rei Zedequias todas estas palavras, em Jerusalém.
7 E o exército do rei de Babilônia guerreava contra Jerusalém e contra as cidades de Judá, contra Laquis e contra Azeca; porquanto estas cidades fortes ficaram, entre as cidades de Judá.
8 Palavra que veio do Senhor a Jeremias, depois que o rei Zedequias concluiu um pacto com o povo, para proclamar a sua libertação,
9 para que cada um pusesse em liberdade o seu servo, e cada um a sua serva, todo homem hebreu ou mulher hebreia, para que nenhum habitante de Judá devesse ser um servo.
10 Entretanto, todos os nobres e todas as pessoas que haviam entrado no pacto envolvendo libertar cada um o seu servo e cada um a sua serva arrependeram-se,
11 e os fizeram voltar a ser servos e servas.
12 Então, a palavra do Senhor veio a Jeremias, dizendo:
13 Assim diz o Senhor: Eu fiz um pacto com vossos pais no dia em que os tirei da terra do Egito, da casa da servidão, dizendo:
14 Quando seis anos se tiverem passado deixarás sair livre o teu irmão hebreu que tiver sido vendido a ti, porqueanto ele te servirá por seis anos, e depois tu o deixarás ir, livre. Porém, eles não me atenderam, e não inclinaram para mim os seus ouvidos.
15 Neste dia, eles haviam voltado a fazer o que era reto aos meus olhos, para proclamar a cada um o livramento de seu próximo. Pois tinham concluído um pacto diante de mim, na casa sobre a qual o meu nome é chamado.
16 Vós, porém, mudastes, e profanastes o meu nome, trazendo de volta cada um o seu servo e cada um a sua serva, a quem havíeis enviado livres e donos de si mesmos, para servir-vos como servos e servas.
17 Portanto, assim diz o Senhor: Vós não me ouvistes para proclamardes a libertação, cada um, ao seu próximo. Eis que au proclamo a vossa libertação para a espada, para a peste e para a fome. Entregar-vos-ei à dispersão entre todos os reinos da terra;
18 entregarei os homens que transgrediram a minha aliança, todos aqueles que não guardaram a aliança que fizeram diante de mim, e com eles o bezerro que prepararam para o seu sacrifício;
19 e os príncipes de Judá, e os homens poderosos, e os sacerdotes, juntamente com o povo.
20 Hei de entregá-los aos seus inimigos, e os seus cadáveres servirão de pasto às aves do céu e aos animais selvagens da terra.
21 Entregarei Zedequias, rei de Judá, ele e os seus príncipes, nas mãos dos seus inimigos, e o exército do rei de Babilônia virá sobre aqueles que fogem.
22 Eis que eu darei uma ordem, diz o Senhor, fazendo-os voltar à esta terra.Pelejarão contra ela e a tomarão, e a queimarão a fogo. Farei desoladas as cidades de Judá, sem que ninguém as habite.

Nenhum comentário: