INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

sábado, 29 de abril de 2017

Septuaginta - Jeremias - Capítulo 37

1 Zedequias, filho de Josias, reinou em lugar de Jeoaquim, porquanto Nabucodonosor o nomeara para reinar sobre Judá.
2 Ele e os seus servos, e as pessoas da terra, não deram ouvidos às palavras do Senhor, que ele falara por Jeremias.
3 E o rei Zedequias enviou a Jucal, filho de Selemias, e a Sofonias, o sacerdote, filho de Maaséias, a Jeremias, dizendo: Roga, agora, por nós ao Senhor.
4 Ora, Jeremias ia e vinha pelo meio da cidade, porque não o haviam colocado, ainda, na casa da prisão.
5 O exército de Faraó saíra do Egito, e os caldeus ouviram um relato a respeito deles; e subiram de Jerusalém.
6 Então a palavra do Senhor veio a Jeremias, dizendo:
7 Assim diz o Senhor. Deste modo falarás ao rei de Judá, que te enviou para procurar-me: Eis que o exército de Faraó, que saiu para ajudar-te, voltará para a terra do Egito.
8 Os caldeus retornarão e lutarão contra esta cidade; tomá-la-ão, e a queimarão a fogo.
9 Porque assim diz o Senhor: Não façais suposições em vossos corações, dizendo: Os caldeus, certamente, se afastarão de nós. Porque eles não se apartarão.
10 Porquanto, ainda que venhais a ferir todo o exército dos caldeus que peleja contra vós, restando deles somente alguns homens feridos, estes deverão levantar-se, cada um de seu lugar, e queimarão a fogo esta cidade.
11 E sucedeu, quando o exército dos caldeus tinha subido de Jerusalém, por causa do exército de Faraó,
12 que Jeremias saiu de Jerusalém para ir à terra de Benjamim, para comprar lá uma propriedade, no meio do povo.
13 Encontrando-se ele na porta de Benjamim, havia ali um homem com quem se hospedara, Jerias, filho de Selemias, filho de Hananias; e ele pegou em Jeremias, dizendo: Tu foges para os caldeus!
14 Mas ele disse: Não é verdade. Eu não fujo para os caldeus. Porém, ele não lhe deu ouvidos. E Jerias lançou mão de Jeremias, levando-o aos príncipes.
15 Os príncipes ficaram muito irritados com Jeremias e o feriram, enviando-o à casa de Jônatas, o escrivão, porquanto a tinham transformado uma prisão.
16 E Jeremias entrou na masmorra, para dentro da cela, permanecendo lá por muitos dias.
17 Então, Zedequias enviou mensageiros, e chamou-o. E o rei falou-lhe em segredo, dizendo: Há uma palavra do Senhor? E ele disse: Não há. Serás entregue nas mãos do rei da Babilônia.
18 E Jeremias disse ao rei: Em que tenho injustiçado a ti, ou aos teus servos e a este povo, que me puseste na prisão?
19 Onde estão os vossos profetas que vos profetizavam, dizendo: O rei de Babilônia não virá contra esta terra?
20 Agora, pois, ó rei meu senhor, que a minha súplica suba perante a tua face. Por que me mandarias de volta para a casa de Jônatas, o escriba? Não me deixes, de qualquer maneira, morrer ali.
21 Então, o rei deu ordem, e eles o lançaram na prisão do átrio. E davam-lhe um pão, diariamente, do lugar onde eles o assam, até que não havia mais pão na cidade. Jeremias, porém, continuou na prisão do átrio.

Nenhum comentário: