INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Septuaginta - Jeremias - Capítulo 42

1 Então, vieram todos os líderes do exército, e Joanã, e Azarias, filho de Maaséias, e todas as pessoas, grandes e pequenas,
2 a Jeremias, o profeta, e disseram-lhe: Que a nossa súplica seja aceita, agora, diante de ti. E ora ao Senhor teu Deus por este remanescente, porquanto fomos deixados poucos dos muitos que éramos, como os teus olhos vêem,
3 para que o Senhor teu Deus declare-nos o caminho em que devemos andar e aquilo que devemos fazer.
4 E Jeremias disse-lhes: Eu vos tenho ouvido. Eis que irei interceder por vós para com o Senhor, nosso Deus, de acordo com as vossas palavras; e deverá ser que a palavra a qual o Senhor Deus disser, irei declarar-vos. Nada esconderei de vós.
5 Eles, então, disseram a Jeremias: Que o Senhor esteja entre nós como uma testemunha justa e fiel, se não fizermos de acordo com cada palavra que o Senhor nos enviar!
6 Quer o assunto seja bom quer seja mau, iremos ouvir a voz do Senhor, nosso Deus, a quem te enviamos, para que possa tudo ir bem conosco. Porque iremos dar ouvidos à voz do Senhor, nosso Deus.
7 E aconteceu que, depois de dez dias, a palavra do Senhor veio a Jeremias.
8 Então, ele chamou Joanã, e os líderes do exército, e todo o povo, desde o menor até o maior,
9 e disse-lhes: Assim diz o Senhor:
10 Se, na verdade, habitardes nessa terra edificar-vos-ei e não vos derribarei, mas irei plantar-vos, e de maneira alguma vos arrancarei; pois tenho desistido das calamidades que eu trouxe sobre vós.
11 Não temais ao rei de Babilônia, a quem vós temeis; não tenhais medo dele, diz o Senhor, porque eu sou contigo para te livrar e conservar-te fora do alcance de sua mão.
12 Conceder-vos-ei misericórdia, e apiedar-me-ei de vós. E vos restaurarei à vossa terra.
13 Porém, se disserdes: Nós não iremos habitar nesta terra, e não ouviremos a voz do Senhor;
14 porquanto, iremos para a terra do Egito, e não veremos a guerra nem ouviremos o som da trombeta, nem teremos fome de pão; e habitaremos lá.
15 Então, ouvi a palavra do Senhor. Assim diz o Senhor:
16 Se volverdes o vosso rosto para o Egito, indo para habitar naquele lugar, então sucederá que a espada da qual tendes medo encontrar-vos-á na terra do Egito, e a fome com a qual vos preocupais deverá subjugar-vos, indo atrás de vós no Egito; e ali morrereis.
17 Todos os homens e todos os estranhos que voltarem o seu rosto em direção à terra do Egito para morar lá serão consumidos pela espada e pela fome, e não haverá nenhum deles de escapar dos males que eu irei trazer sobre eles.
18 Pois assim diz o Senhor: Como a minha ira despejou-se sobre os habitantes de Jerusalém, assim se despejará a minha ira sobre vós quando tiverdes entrado no Egito. Tornar-vos-eis uma desolação e estareis sob o poder de estranhos; tornar-vos-eis em maldição e opróbrio, e não mais vereis este lugar.
19 Estas são as palavras que o Senhor tem falado a respeito de vós, restante de Judá. Não entreis no Egito! Entretanto, agora, sabei com certeza
20 que haveis concebido maldade em vossos corações quando me enviastes ao Senhor, dizendo: Roga, tu, por nós ao Senhor, e de acordo com tudo aquilo que o Senhor falar-te iremos fazer.
21 Pois não destes ouvidos à voz do Senhor, com a qual ele me enviou para vós.
22 Agora, pois, perecereis pela espada e pela fome no lugar aonde desejais entrar para ali habitar.

Nenhum comentário: