INÍCIO BÍBLIA ONLINE SNT SEPTUAGINTA NOVO TESTAMENTO
AUXÍLIOS BÍBLICOS DICIONÁRIO BÍBLICO TERMOS DE USO
Gênesis Êxodo Levítico Números Deuteronômio Josué Juízes Rute
1 Samuel 2 Samuel 1 Reis 2 Reis 1 Crônicas 2 Crônicas Esdras Neemias
Ester Salmos Provérbios Eclesiastes Cântico dos Cânticos Isaías
Jeremias Lamentações de Jeremias Ezequiel Daniel Oséias Joel Amós Obadias
Jonas Miquéias Naum Habacuque Sofonias Ageu Zacarias Malaquias
1 Macabeus
Mateus Marcos Lucas

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Septuaginta

Septuaginta em Português.

Tradutor: José Cassais

:: Introdução

Velho Testamento

:: Gênesis
:: Êxodo
:: Levítico
:: Números
:: Deuteronômio
:: Josué
:: Juízes
:: Rute
:: 1 Reis (1 Samuel)
:: 2 Reis (2 Samuel)
:: 3 Reis (1 Reis)
:: 4 Reis (2 Reis)
:: 1 Crônicas
:: 2 Crônicas
:: Esdras
:: Neemias
:: Ester
:: Ester
:: Salmos
:: Provérbios
:: Eclesiastes
:: Cântico dos Cânticos
:: Isaías
:: Jeremias
:: Lamentações de Jeremias
:: Ezequiel
:: Daniel
:: Oséias

28 comentários:

O Criador Salva disse...

Amado José Cassais, a sua tradução da Septuaginta nos traz uma clareza enorme desde que a Septuaginta é mais clara em pontos críticos do que o próprio Tanakh; penso que você saiba do que eu estou falando. Um de vários Exemplos Gen 6:6,7 e Nume 23:19, por isso o NT é baseado em passagens da Septuaginta; seria a Septuaginta a versão grega e não alterada de manuscritos hebraicos que hoje não existem? Veja Jó 2:9 - no hebraico Jó condena sua mulher por ela bendizer ao Criador então Jó blasfema ao chamar ela de "doida", porém, na Septuaginta, ela não bendiz e nem maldiz ao Criador mas limita Jó. Por favor continue com esta sua bendita obra pois é digna de Galardão. Rogo que o Bendito Criador e Ἰησοῦ te protejam tu e tua Família, Amém.

Alexandre Costa disse...

Não sei onde abrir o novo testamento...Gostei muito da versão do antigo. Como faço pra ver o novo testamento, pois no site diz: Septuaginta + Novo testamento

José Cassais disse...

A Bíblia SNT (Septuaginta + Novo Testamento), está sendo traduzida paulatinamente. Por enquanto a tradução do Novo Testamento apenas faz parte do projeto; se Deus permitir, logo começará a tornar-se uma realidade.

Teologia disse...

Valeu José Cassais! Continue firma na sua obra de tradução!

Israel disse...

Olá irmão, eu trabalho com projetos para fazer bíblias para Android e alguns programas como TheWord E-Sword, gostaria de saber se eu posso fazer uma versão com sua tradução, colocando todos os créditos da sua página e do autor, desde já agradeço!!

José Cassais disse...

A tradução ainda não está completa. No momento prefiro deixar esta versão apenas na forma como ela se encontra no blog.

Aureo Ferreira disse...

Você está traduzindo a partir de qual versão - a inglesa, Brenton, ou diretamente do grego, Rahlfs?

José Cassais disse...

Esta é uma tradução feita a partir da edição em lingua inglesa da Septuaginta, de Sir Lancelot C. L. Brenton, 1851, comparada com o texto original grego.

EVANDRO MOREIRA disse...

OI VEJO UM CONFRONTO EM 1SAMUEL 17-4 SOBRE A ALTURA DE GOLIAS, NESTA DIZ 4 CÔVADOS E UM PALMO E EM OUTRA EDIÇÕES DIZ 6 CÔVADOS E UM PALMO, ERRO? ME EXPLIQUE....

EVANDRO MOREIRA disse...

favor rever traduçoa em 1SAMUEL 17-4, ALTURA DE GOLIAS DIFERENTE EM OUTRA EDIÇAO...

José Cassais disse...

No original grego da Septuaginta diz "quatro côvados e meio": "καὶ ἐξῆλθεν ἀνὴρ δυνατὸς ἐκ τῆς παρατάξεως τῶν ἀλλοφύλων Γολιαθ ὄνομα αὐτῷ ἐκ Γεθ ὕψος αὐτοῦ τεσσάρων πήχεων καὶ σπιθαμῆς". Na tradução inglêsa de Sir Lancelot C. L. Brenton: "And there went forth a mighty man out of the army of the Philistines, Goliath, by name, out of Geth, his height was four cubits and a span."

Antonio Correa da Silva Filho disse...

Não tem todo o VT?

Pedro Ramos disse...

Querido amigo, adorei a tradução do velho testamento, realmente é uma obra que merece todos os elogios, mas tenho uma dúvida e ficarei muito grato se puder explicar.
É público que a palavra "Sábado" foi inventada no ano 325 DC, sendo assim na Septuaginta a palavra que aparece é SHABAT e sua tradução que mais se aproxima do correto é DESCANSO.
A minha pergunta é porque a palavra Shabat era usada para designar tanto o Sábado (7o.dia)da semana como qualquer outro feriado judaico onde o trabalho era proibido como em LEVÍTICO 23:32 (cai em qualquer dia da semana, temos também LEVÍTICO 25 o chamado Sábado da terra assim descrito na maioria das versões bíblicas.
Esse "erro" na tradução da palavra SHABAT somado a inobservância do seu contexto, tem causado uma verdadeira lambaça na fé cristã, como pode ser observado no dia da mnorte de Jesus em MATEUS 15:43, onde o tradutor fala que era véspera do sábado, (sexta feira) quando na verdade era véspera do "Shabat" Pessag (Páscoa)que caiu numa quinta feira.
Esse meu raciocínio se conforma com a única prova que Jesus concordou em dar aos mestres judeus em MATEUS 12:40 e LUCAS 11:29, afinal Jesus não mentiu, a mentira está na tradução equivocada.
Deus te abençoe...

Mauro Machado disse...

Shalom Querido Jose Cassais :
Estou estudando a septuaginta, pois tem verificado que os apostolos qunado faziam menção da Tanash utilizavam os manuscritos da septuaginta.Lxx.
Querido irmão ter esses manuscritos, tão antigos ,acessiveis em nossa língua materna é uma inspiração Divina.

Querido irmão,tenho estudado os decendentes de Jacó que vieram com ele para o Egito, por causa da variante que existe no discurso de Estevão que diz 75 (atos 7: 14 e )nossos textos massoreticos diz 70 (gen. 46: 27).
Nestes estudos tenho utilizado a sua copia traduzida do grego Koiné e percebi a falta de um filho de Benjamim ele se chama Hupim,.
Gostaria que o irmão verificasse para avaliar se não foi um esquecimento ou se realmente a septuaginta não cita este filho de Benjamim.
Verifiquei em nossos textos massoreticos e 1crônicas 7 :f14 diz que Maquiar ,filho de Manassés ,arranjou uma esposa para Hupim ,ou seja, faz menção a ele Hupim ,novamente, como filho de Benjamim.
Tenho estudado minuciosamente pois quero descobrir como a septuaginta chegou a esse número de 75 decendentes .
Tenho estudado e verifiquei que alguns teólogos dizem não contar com Jacó e sua esposa ( coisa totalmente improvável haja visto que nenhuma esposa é contada apenas descendentes da coxa de Jacó .Outra questão é que seguindo o tempo cronológico do texto -como faz Moises em sua narrativa -Jacó ainda estava vivo , então por que Moises não contaria com ele.?) outros historiadores co livros editado e tudo mais, dizem não contar com José e Jacó (estranha esta afirmação de não se contar com José , pois então ,nao poderíamos contar com Manasses e Efraim conto mais com os bisnetos de Jacó narrados na septuaginta)definitivamente não concordo com essa explicação também
Amado irmão aguardo ansiosamente respostas
Deus abençoe com saúde, paz e prosperidade para que você possa continuar essa linda e maravilhosa missão de tradução da septuaginta.

Mauro machafo disse...

Boa Noite
Verifiquei novamente e constatei que tanto nos textos massoreticos quanto na septuaginta é 33 o que vai ocorrer é que a soma final contando com Jacó vai dá 71 e não 70 almas que vieram com ele para o Egito.

José Cassais disse...


Devem haver algumas inconsistências e dificuldades nestas genealogias, maiores no texto massorético do que na Septuaginta. A numeração desta última diz que "Todas as almas que vieram com Jacó para o Egito, que saíram dos seus lombos, além das esposas dos filhos de Jacó, todas estas almas foram sessenta e seis. (Gn 46.26)" Isto está de acordo com a soma de 32 para os filhos de Lia, mais os filhos que Zilpa gerou para Lia (16); mais os 18 filhos que Raquel deu para Jacó. Aqui temos de considerar que os filhos nascidos para José, através de Manassés e Efraim, seus próprios filhos, de acordo com a Septuaginta (1 Crônicas 46) são apenas 5; Porém em 1 Crônicas 7.14 vemos que Maquir, o filho de Manassés, teve mais dois filhos, irmãos de Gileade, que não aparecem na genealogia "oficial": Asriel e Zelofeade. Desta forma, os filhos de José no Egito foram, realmente, 9 (Gn 46.27); O que nos leva a concordar com a conclusão do versículo 27: "Todas as almas da casa de Jacó, que vieram com José para o Egito, foram setenta e cinco almas." Isto com a exclusão de Hupim de entre os filhos de Benjamim. Também em 1 Crônicas 7.12 vemos uma menção a Hupim como sendo um descendente de Benjamim, entre outros que não são citados na genealogia "oficial."
Quanto à numeração que é apresentada em Gênesis no texto massorético a inconsistência surge, realmente, quando as pessoas ligadas à Lia são dadas como 33, quando na realidade se conta apenas 32. Isto faz com que a contagem final de "todas as pessoas da casa de Jacó que vieram para o Egito", conforme apresentadas no texto, seja de 69 almas, e não 70. Mas se acrescentarmos o próprio Jacó, e ele deve ser acrescentado, chegaremos ao número de 70. Percebemos que Jacó deve ser incluído nas pessoas do entorno de Lia. Porque será? Muitos comentaristas dizem que a verdadeira esposa de Jacó, aos olhos de Deus, era Lia, apesar de não ser a sua escolhida (ele preferia Raquel).
A divergência entre os totais do texto massorético (70 almas) e o da Septuaginta (75 almas) se explica pela inclusão, neste último, dos descendentes de Manassés e Efraim (5 almas).
Resta a inclusão de Hupim como filho de Benjamim no texto massorético, sendo que ele não aparece como tal no texto da Septuaginta, mas sim como um seu descendente; o que em nada muda os fatos essenciais da narrativa.

Jufran Contadora de Histórias disse...

Graça e paz!!! Bom dia!!! Obrigada por esta obra prima. Desejo saber se tem a tradução da Septuaginta para o livro de Malaquias, pois preciso muito desta tradução.

José Cassais disse...

Obrigado pelo comentário! Ainda não chegamos ao livro de Malaquias, o último do Velho Testamento, mas estamos indo para lá!

Leonardo Aragão disse...

Você vai traduzir os deuterocânonicos ?

José Cassais disse...

Sim, se o Senhor permitir.

_ disse...

Olá José gostaria de saber qual versão do N. T. e o idioma da origem que o sr. está utilizando para traduzir e publicar aqui no blog, e se for possível que traduzisse os seguintes versículos e me enviasse por e-mail: acbarretos@yahoo.com.br
refências: ROMANOS 9:5; HEBREUS 1:8; 1 JOAO 5:20.
grato,
At. Alexandre

José Cassais disse...

Este Novo Testamento está sendo traduzido diretamente do texto grego original, Textus Receptus.

Anônimo disse...

Para Romanos 9.1-5, "1 Digo a verdade em o Ungido, não falo inverdades, minha consciência o confirma no Espírito, o Santo, 2 que tenho grande pezar e incessante dor no meu coração. 3 Porquanto eu mesmo até desejaria ser amaldiçoado e separado do Ungido por amor de meus irmãos, os que são minha raça, 4 os quais são israelitas, de quem são: A adoção, a glória, as alianças, a promulgação da Lei, o culto e as promessas; 5 de quem são: Os patriarcas (e a partir deles é traçada a linhagem humana do Ungido), o Deus bendito! Sendo sobre todos, para os séculos! Amém. Romanos 9:1-5
.
.
Para 1 João 5:20, note que "este" está no nominativo que concorda SOMENTE com o último termo "Verdadeiro", que TAMBÉM está no nominativo - Somente a tradução dos Capuchinhos seguiu este entendimento:
.
Hipóteses:
.
a1) “Porém, temos sabido que o Filho de Deus tem vindo e tem dado a nós percepção mental para que ao Deus Verdadeiro estejamos conhecendo e estamos sendo em o Deus Verdadeiro, em o Filho dEle, Jesus, o Ungido. Este Verdadeiro está sendo o Deus e a Vida Eterna.” 1 João 5:20.
.
a3) “Porém, temos sabido que o Filho de Deus tem vindo e tem dado a nós percepção mental para que ao Verdadeiro estejamos conhecendo e estamos sendo em o Verdadeiro, TAMBÉM em o Filho dEle, Jesus, o Ungido. Este Verdadeiro está sendo o Deus e a Vida Eterna.” 1 João 5:20.
.
b2) “Porém, temos sabido que o Filho de Deus tem vindo e tem dado a nós percepção mental para que ao Verdadeiro estejamos conhecendo e estamos sendo em o Verdadeiro, DO MESMO MODO em o Filho dEle, Jesus, o Ungido. Este Verdadeiro está sendo o Deus e a Vida Eterna.” 1 João 5:20.
.
Para Hebreus 1:8, deve-se analisar e traduzir o verso observando o Texto Hebraico e suas vertentes e variantes, além da Tradução Síriaca e o Targum Aramaico, comparando com a Septuaginta, e por fim, com o texto grego do NT e variantes, ainda a tradução Peshita (i.e, a tradução Aramaica do NT), e as diversas interpretações da época em Copta, Armênio e Antigo Latim. ESTE É UM VERSO COMPLEXO. CABE UMA VIDA DE ESTUDO SÓ NELE...
.
Paz....

Netyson disse...

Querido, se for possível você poderia disponibilizar o download da bíblia SEPTUAGINTA completa velho e novo testamento se já estiver pronto, traduzida pois é difícil encontrar na Internet uma riqueza dessas, preciso para estudo e nem sempre tenho acesso a internet isso iria facilitar a vida de muitos. obrigado.

O Criador Salva disse...

Prezado José Cassais,

Paz e graça da parte de o Ungido o Filho do Deus Salvador e Criador de todas as coisas, a ti desejo, aqui estou eu de novo o seu primeiro comentarista! Observe e traduza Jó 2:3 da Septuaginta e verás um dos motivos a levar como consideração essa tradução. Compare com a versão hebraica a mesma passagem notará tão grande diferença que você com certeza louvará a septuaginta e verá com desprezo o Tanakh. E não é de admirar que os escritos originais gregos do novo testamento se baseiam sim na versão grega do velho testamento e NÃO na versão hebraica. Aí podemos teorizar, será que a Septuginta pode ser a versão grega dos verdadeiros manuscritos hebraicos originais que até atualmente não existem?

Unknown disse...

Fiquei feliz em saber que nos achados de Qunram, estão tantos os originais utilizados pelos Massoretas quanto os da Septuaginta, mostrando que havia duas correntes de versão da palavra de Deus no terceiro século AC. Com isso os Rabinos devem rever suas posições quando diziam que a Septuaginta deveria conter erros de tradução e que teria sido traduzida para o Grego a partir do primeiro século da nossa era.

Francisco Gonçalves disse...

Prezado José Cassais,
Vossa eminência traduziu Ex 3.2 com referência ao Anjo do Senhor, como o Anjo do Senhor,e não como um do Senhor, como vi uma hebraica. Explique o porquê dessas variantes.Aguardo, obrigado.

José Cassais disse...

Prezado Francisco, o texto que você viu em uma tradução ou original hebraico não corresponde com o da Septuaginta, cujo original está escrito em grego koinê, e diz textualmente "um anjo do Senhor". Até mesmo o texto massorético diz assim, com o original "malak" (transliterado).